POLÍCIA MILITAR APREENDE DROGAS EM CARAUARI-AM

A Polícia Militar desencadeou a OPERAÇÃO SENTINELA com objetivo de transmitir sensação de Segurança à população e coibir quaisquer ações de indivíduos propensos à prática criminosa. No momento da Operação, após uma abordagem a um menor notou-se nervosismo por parte do mesmo, então os Policiais realizaram uma abordagem minuciosa e encontram algumas porções de entorpecentes em sua posse, no qual relatou ser apenas um “transportador” e que havia sido contratado só pra trazer o entorpecente de outro município até Carauari e efetuar a entrega para os nacionais: Raimundo Nascimento 28, vulgo “Bel” e Gerlandio Alves da Silva 27. Ambos moradores do bairro Janjão(andirobal), após tomar o devido conhecimento de que o entorpecente pertencia a dupla, os Policiais foram e localizaram os acusados que lavaram a Polícia até os locais onde estavam escondida o restante das Drogas; parte em um matagal e outra na residência de um dos acusados. Ao todo foram aprendidos aproximadamente 500 gramas de Maconha do tipo “Skank”, 01 balança de precisão e R$ 220,00. Diante dos fatos, todo material ilícito incluindo os detidos foram encaminhados ao 65° DIP e apresentado do Chefe de Polícia para os procedimentos cabíveis. Fonte: 5° GPM. Dúvidas e Denúncias: 190 ou linha direta PM: ‭(97) 99154-1161‬ ou no Prédio do 5° GPM, rua Floriano Peixoto, S/N, Centro.
Curso da UEA formará professores em comunidades ribeirinhas de Carauari

Direcionado a formação de professores das escolas de comunidades ribeirinhas do Bauana, localizada no município de Carauari (a 788 km de Manaus), o curso de Licenciatura em Pedagogia do Campo da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), iniciará o ano letivo em 2019. Ao todo, 55 vagas serão ofertadas por meio de processo seletivo especial para moradores da comunidade. Com duração de quatro anos, o curso terá o formato modular e presencial, com 20% da carga horária acessada pela modalidade de ensino a distância com mediação tecnológica da UAB. A graduação ocorre por meio de parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), pela Universidade Aberta do Brasil (UAB) e Fundação Amazonas Sustentável (FAS).  A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, Kelly Christiane Silva de Souza, salienta que o curso de Pedagogia do Campo é uma licenciatura que traz um currículo específico para atender as demandas educacionais do campo. “É um curso onde os componentes curriculares foram tratados de uma forma diferenciada para que os professores possam ter uma formação que atenda exatamente as necessidades do público final, que no caso seriam os estudantes que moram nas comunidades ribeirinhas do Amazonas”, afirma. 
 *Com informações da assessoria de imprensa.
Ministério da Saúde credencia Carauari para receber serviços de Saúde Bucal


O Ministério da Saúde (MS) abriu credenciamento para novas equipes de Saúde Bucal (eSB) atuarem em 12 municípios do Amazonas. Publicada por meio da portaria nº 3.486, de 29 de outubro, a medida foi um dos temas abordados pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam), durante a 6ª Semana Municipal de Saúde Bucal, em Manaus. A Susam, por meio do Departamento de Atenção Básica (Dabe), assessora e incentiva os municípios na ampliação de sua cobertura da Saúde Bucal. Por isso, ressaltou a importância dos gestores municipais aproveitarem mais esta oportunidade para ampliar a oferta deste serviço à população do interior. “Credenciar mais equipes é muito importante, uma vez que nosso trabalho na área é auxiliar os municípios na ampliação da cobertura de eSB, pois sabemos da importância de cuidarmos da saúde da boca, como fator de prevenção de outras doenças”, destacou o coordenador da Área Técnica Estadual da Saúde Bucal, do Dabe/Susam, Robson Roberto Vidal. Para credenciar e implantar equipes, os municípios precisam elaborar um projeto, que entre outras fases, passa pela avaliação da Área Técnica Estadual da Saúde Bucal, do Dabe/Susam. Uma vez aprovado, o processo é encaminhado para o MS. Municípios contemplados Os municípios contemplados com a portaria do MS são Barcelos, Barreirinha, Carauari, Careiro da Várzea, Ipixuna, Juruá, Manaus, Pauini, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Santo Antônio do Içá e Tapauá. No total, poderão ser credenciadas 43 novas eSB – 23 delas somente para Manaus. De acordo com Robson Vidal, atualmente, existem 438 eSB implantadas no Estado. Existem dois formatos de equipe: Tipo 1 (formada por um cirurgião dentista e um auxiliar técnico em saúde bucal) e Tipo 2 (formada por um cirurgião dentista, e mais dois profissionais – auxiliar ou técnico em saúde bucal). Ao implantar uma eSB, o município passa a receber recursos do MS para auxiliar no custeio do serviço, como uma parcela única de R$ 7 mil para implantação de cada equipe, repasses mensais no valor de R$ 2.230,00 ou R$ 2.980,00 (dependendo do tipo de equipe), além de equipamentos. Com os novos credenciamentos, Barcelos passa a ter 4 eSB; Barreirinha 8; Carauari 4; Careiro da Várzea 10; Ipixuna 3; Juruá 3; Manaus 130; Pauini 4; Presidente Figueiredo 14; Rio Preto da Eva 13; Santo Antônio do Içá 8; e Tapauá 8. A VI Semana Municipal de Saúde Bucal ocorreu no período de 25 a 31 de outubro, juntamente com o 6º Encontro Estadual de Saúde Bucal, e ainda a Semana do Cirurgião-dentista, em uma parceria entre a Susam, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa-Manaus) e o Conselho Regional de Odontologia (CRO-AM). O encontro reuniu profissionais da capital e do interior, que discutiram durante uma semana ações para fortalecer a atenção à Saúde Bucal.
FATO EM IMAGEM 
 DIA DE FINADOS EM CARAUARI





A Prefeitura Municipal de Carauari através da Secretaria Municipal de Saúde informa a população masculina de 40 anos ou mais e de 35 anos que têm histórico familiar de caso de câncer de próstata, que os ATENDIMENTOS DA CAMPANHA NOVEMBRO AZUL (Conscientização da Prevenção do Câncer de Próstata) estarão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de segunda a sexta das 07:00 às 11:00 h durante este mês de Novembro. 
Confira a programação: 

 * UBS MARIA DEL PILAR- Atendimento para os moradores do Centro, 14 BIS, Jocunda, Nova República e Zona Rural 

 * UBS MICHIÊ TAKEDA- Atendimento para os moradores do Bairro de Fátima, Morumbi I e II, Eduardo Braga,Janjão 

 * UBS ADÉLIA COSTA DOS SANTOS- Atendimento para os Moradores do Samuel Amaral, Flamengo,Bairro da Luz, Lago do Futuro, Memória e Severino Melo

Vacinação contra aftosa inicia em 21 municípios do AM

A segunda etapa da campanha Amazonas Sem Febre Aftosa inicia dia 1°/11, em 21 municípios do Estado. Nessa etapa, em 19 municípios, a vacinação deverá ser realizada em bovídeos em até 24 meses. Somente em Guajará e Boca do Acre a vacinação será realizada em todo rebanho. A expectativa é que sejam imunizados mais de 500 mil animais entre bovinos e bubalinos até o final dessa fase, no dia 30 de novembro. Atualmente, o rebanho do Estado é de 1.384.241 animais. Os municípios com maior número de animais são Boca do Acre (377.860 de cabeças), Apuí (135.859) e Manicoré (106.886). A campanha nos 21 municípios abrange Apuí, Barcelos, Canutama, CARAUARI, Eirunepé, Envira, Humaitá, Ipixuna, Itamarati, Juruá, Lábrea, Manicoré, Novo Airão, Novo Aripuanã, Pauini, Presidente Figueiredo, Santa Isabel do Rio Negro, São Gabriel da Cachoeira e Tapauá, Boca do Acre e Guajará. A vacina pode ser adquirida, em casas agropecuárias credenciadas pela Adaf, ou nos municípios que não possuem esses estabelecimentos, nos escritórios do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam). O preço médio da dose (5 ml) da vacina oscila entre R$ 1,50 e R$ 2,20. Segundo a coordenadora estadual da Adaf, do Programa Nacional de Erradicação Prevenção da Febre Aftosa (PNefa), Joelma Silva, após o fim do prazo estipulado que encerra a campanha, os produtores terão mais 15 dias para notificar junto aos escritórios da Adaf e do Idam a vacinação do rebanho. “Precisamos que os produtores notifiquem a vacinação do rebanho. A notificação garante o registro do rebanho no sistema da Adaf e o repasse dessa informação ao ministério da agricultura, garantido o respaldo de que os animais dessa etapa foram vacinados, comentou. Quem não vacina e não notifica está passível a penalidades como multa. Não pode, ainda, retirar Guia de Trânsito Animal (GTA) - documento obrigatório para o trânsito de animal para qualquer finalidade, dentro e fora do Estado. Além disso, fica impedido de participar de eventos agropecuários. No Amazonas, a multa é de R$ 40 por cabeça de gado não imunizado, além de R$ 300 por propriedade e pagamento dos custos de deslocamento para a equipe da Adaf realizar a vacinação, de acordo com a Lei nº 2.923, de 27/10/2004; e Decreto nº 25.583, de 28/12/2005.